Missão e Estatutos

A Fundação GDA tem por missão a valorização e dignificação do trabalho e das carreiras dos artistas – atores, bailarinos e músicos – e apoiar o seu desenvolvimento humano, cultural e social.

Esta missão concretiza-se em programas e iniciativas de ação cultural, social, institucional e de formação. O objetivo é favorecer a diversidade e a participação cultural, o desenvolvimento profissional e a criação de uma rede solidária de assistência social, promovendo a divulgação dos direitos dos artistas e contribuindo, desta forma, para o desenvolvimento em Portugal da economia da cultura e do setor criativo.

A Fundação GDA é uma pessoa coletiva de direito privado, com sede em Lisboa. Foi fundada pela GDA – Gestão dos Direitos dos Artistas, uma cooperativa sem fins lucrativos, criada por e para os artistas intérpretes ou executantes, onde se incluem atores, bailarinos e músicos. Para além da gestão dos direitos dos artistas, a GDA está ainda empenhada em contribuir para uma maior divulgação e afirmação dos direitos de propriedade intelectual, quer junto dos artistas, quer da opinião pública em geral.

A Fundação GDA é instituída pela GDA, com os fins principais de prosseguir atividades que promovam as artes e a cultura, nomeadamente, a representação, a dança e a música e atividades destas conexas.

Documentos

juntos no mesmo palco

Edição fonográfica de intérprete

Programa de apoio à criação musical que pretende impulsionar a gravação e produção de novas obras fonográficas, dinamizando o mercado editorial da música portuguesa, a diversidade das expressões musicais e o acesso e usufruto dos cidadãos à criatividade.